O IMPROVÁVEL YOU-KODDLACK, de Victor Meloni

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O IMPROVÁVEL YOU-KODDLACK, de Victor Meloni

Mensagem por Henry Evaristo em Seg 9 Nov 2009 - 16:08

Pessoal, vamos movimentar este tópico novamente? Sugiro que nos detenhamos neste conto que é uma jóia rara da lit fan nacional de nosso amigo e irmão em sombras, Victor Meloni.

Aguardo as manifestações dos amigos!

De inicio deixo aqui o link para que todos possam ler a obra em questão.

http://camaradostormentos.blogspot.com/2009/09/o-improvavel-you-koddlack-victor-meloni.html
avatar
Henry Evaristo
Admin

Mensagens : 753
Data de inscrição : 27/12/2008

Ver perfil do usuário http://forumdacamara.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O IMPROVÁVEL YOU-KODDLACK, de Victor Meloni

Mensagem por Flávio de Souza em Qui 3 Dez 2009 - 14:31

Salve Povo do Além!

Continuando com os comentários...
O que dizer de “O Improvável You-Koddlak”? Bom, como já disse para o Victor em diversas oportunidades, esse é um dos melhores contos de lobisomem que já li. Destaco a maneira diferente, diria até, inusitada, em retratar o demônio da lua cheia, se bem que nesse caso, devido ao tom diferenciado do texto, a dama da noite não chega a ter tamanha importância na trama. O lobo em questão é mostrado não como uma maldição ou coisa do tipo, mas como algo natural, um componente da natureza, o sujeito não se torna um lobisomem, ele é um, sempre foi. E por já ter nascido assim, ele se adapta e se molda ao mundo que o cerca, tanto que dedica-se a estudar a espécie humana. “Esses conhecimentos eram fundamentais para sua segurança”, ele percebeu que deveria agir de maneira discreta e sorrateira, lembrando o modus operandi de um vampiro ( no começo do conto até pensamos se tratar de um ), ele faz uso do magnetismo pessoal, da sedução, da educação, e, principalmente, de um cinismo arrebatador ( a escolha do próprio nome é sarcástica ). O professor doutor You-Koddlak é cativante, e esse fato é algo incrivelmente contraditório quando pensamos na imagem do lobisomem, uma fera irracional e devastadora, ele é terrível, mas não ataca suas vítimas ao acaso, não se contenta com os transeuntes, longe disso, ele escolhe a presa ( muito bem escolhida, por sinal ), seduz, engana e faz um banquete.
A única coisa que sinto falta nesse brilhante conto é justamente a marca registrada do nosso irmão das trevas, a linguagem desafiadora e poética. Não que tenha algum problema com as palavras utilizadas, lógico que não, estão perfeitas, mas quando leio um texto do Victor sempre espero me deparar com o enigma por trás das letras, com a composição única que só ele é capaz de fazer.
Mas, como disse, nada disso tira o brilho desse conto, que é um dos meus preferidos.
Parabéns amigo Victor!

Abraços,

Flávio
bounce bounce bounce bounce bounce bounce
avatar
Flávio de Souza

Mensagens : 719
Data de inscrição : 17/07/2009
Idade : 42
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://www.flaviodsouza.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum